DEPOIMENTOS


Bruno Figueiredo Cachoeira Dantas

“Outrora, escrevi o quão era engraçado perceber que a virtude do agradecimento deveria ser algo rotineiro, do cotidiano. Infelizmente não. Já no início da minha trajetória como aluno do Ciclos percebi que o verbo “agradecer” está sempre presente nos materiais e no falar. Agradecer pela saúde e pela oportunidade de poder lutar por aquilo que sonhamos. Medo e motivação, ansiedade e concentração, um paradoxo de sentimentos que permeiam a vida daquele que escolheu sonhar com um cargo público. Mesmo nessa salada de emoções, o agradecimento não pode faltar enquanto ingrediente essencial.

Hoje, volto a tecer poucas palavras sobre agradecimento. Dessa vez, no entanto, com um pouco de lágrimas nos olhos, com o coração acelerado e, principalmente, com um sorriso no rosto. Sim, a mistura de emoções permanece, mas com um novo tempero: aprovação. Meu sonho estava ali, materializado na transcrição do meu nome na lista de aprovados. Um objetivo que só foi alcançado em virtude da luta, perseverança e disciplina. Mas tais ingredientes foram potencializados e adquiriram sabor pela presença de pessoas - FGL - que caminharam junto comigo, mais que isso: apropriaram-se do meu sonho. Meu objetivo não era mais um monopólio. Passei a fazer parte de uma família.

O Ciclos não me apresentou somente uma metodologia de estudos, trouxe a certeza de que a confiança na minha preparação seria essencial. E foi, de fato. Construí algo sólido, sobre uma rocha.

Obrigado, família. Vocês fizeram a diferença na minha vida.”

Bruno Figueiredo Cachoeira Dantas - Coach Setor Ministério Público e Aluno Ciclos

Angelus Maia

“Desde que saí da faculdade, tinha vontade de estudar para concursos de advocacia pública e até ensaiei alguns planejamentos e tentativas, que não passaram das primeiras semanas e sem nenhum resultado, obviamente. Após ver a aprovação da ex-colega de estágio @fernandaevlaine na DPU, o surgimento do Ciclos e cansado de pular de emprego em emprego, resolvi que era hora de começar a estudar para valer. Isso foi em junho de 2015, quando fui atendido pelo @arraisdaniel lá no quintal da casa dele, com direito à cronograma de papel e FUCs com os comentários pessoais da @fernandaevlaine (“decore isso sua burra”), coraçõezinhos e raiozinhos para todos os lados.

De cronograma em mãos, comecei a colocar o método em prática. Julho, agosto, setembro, outubro…. Os meses foram passando e eu firme e forte fazendo minhas FUCs próprias e vários ciclos 1, 2, 3…. Naquele momento, deixei de realizar alguns concursos de Procuradorias que estavam surgindo, afinal, tinha pouco tempo de estudo, até que, em Dezembro de 2015, abriu a PGM São Luis. Ainda com mais alguns meses até a prova, resolvi me inscrever e segui estudando… Em março de 2016, fiz minha primeira prova de concurso para valer. Viajei para São Luis (um voo maravilhoso com uma conexão e algumas escalas), com direito a show da Marilia Mendonça na frente do meu hotel a noite toda, na véspera de prova (para vocês verem que tudo acontece na vida do concurseiro, para aumentar a sua sofrência). Fiz a minha primeira prova e, para minha alegre surpresa, passei na primeira fase. Segui estudando via ciclos e acabei passando na segunda fase também. De repente me vi numa prova oral. Ao mesmo tempo, surgiu o concurso da PGE Maranhão e, ali, com 11 meses de estudo, já tinha praticamente esgotado um edital inteiro de Procuradorias (constância sempre). Desde o lançamento do edital até a prova (uns dois meses), segui revisando minhas FUCs e lendo meus links mentais. Como já tinha estudado o meu material diversas vezes, a familiaridade com ele fez com que eu revisasse muito mais rapidamente. Consegui revisar todo o edital praticamente duas vezes. Fiz a primeira fase. No dia seguinte, corrigi o gabarito. Não acreditei, corrigi de novo. Pedi para corrigirem para mim. 90 questões de 100 numa primeira fase, com um ano de ciclos nas costas! Comemorei? SIM! Mas continuei estudando, porque tinha a prova oral de São Luis chegando, a discursiva do Maranhão se aproximando e, de lambuja, a PGE Amazonas que tinha acabado de abrir. E assim segui revisando… Passei na prova oral de São Luis (minha primeira aprovação em concurso público!), na discursiva do Maranhão e na objetiva do Amazonas… Fim de 2016 chegando e eu lá, firme em meu propósito. Em janeiro, fiz a discursiva do Amazonas e, em fevereiro, a prova oral do Maranhão. Um ano e meio de estudos constantes e ali me vi: aprovado na PGE Amazonas (2º lugar), PGE Maranhão (11º lugar) e PGM São Luis (21º lugar), com o ciclos do início ao fim. No dia da minha posse como Procurador do Estado do Maranhão, finalmente caiu a ficha que tinha dado certo. Algo que parecia tão surreal e tão distante estava logo ali.

Hoje, sou Procurador do Estado, como queria ser desde o momento em que entrei no quintal da casa de Daniel para ser atendido pelo Ciclos. Essa foi a minha jornada e queria compartilhar com vocês. Deixo, também, algumas lições que extraí dessa jornada:

- Tenha honestidade intelectual consigo mesmo. Você fez 5 anos de faculdade de Direito para poder aprender o básico. Não é com um ou dois meses de estudos, por mais intensos que sejam, que você está pronto para encarar um concurso de alto rendimento. Se dê tempo para solidificar conteúdo e tenha paciência, pois nada vem da noite para o dia e nem num passo de mágica.

- A jornada não é uma linha reta. Problemas de saúde, na família, com os amigos, questões pessoais irão surgir (perceba que o mundo continua a girar e a vida das pessoas seguem enquanto você está estudando). Assim, nunca vai chegar um momento ideal em que tudo estará nas melhores condições para estudar. Por isso, apenas estude!

- Dá para estudar e trabalhar? SIM! Fiz isso ao longo de toda a minha preparação. Eu chegava no trabalho 6h30min (isso, cedo mesmo) e ficava até umas 14h. Ia para a academia, fazia atividades físicas e começava a estudar lá para as 15h30. Na prática, estudava de 4-5h por dia. É suficiente? SIM, desde que você preze pela qualidade e evite fatores de distração externos, inclusive celular.

- Seja disciplinado. Para mim, era completamente inviável sair de noite nos dias de semana. Alguns amigos ficaram chateados com minha ausência? Ficaram, até perdi alguns colegas por sempre viver estudando, mas o punhado que ficou comigo até o fim são os melhores que eu poderia desejar.

- Seja constante! Não adianta estudar intensamente por uma semana e tirar um mês de folga. Foque no grão de cada dia.

- Estudar não é o fim do mundo. É uma oportunidade. Para muitas pessoas, estudar é uma tortura, quando, na verdade, é um privilégio de poucas pessoas. Isso ficou ainda mais claro na minha posse. Cheguei até ali porque tive a oportunidade, o privilégio de estudar. Tantas pessoas gostariam de ter essa oportunidade, mas não podem. Tenha consciência disso. Você é privilegiado SIM e não está indo para a cadeira elétrica (ou similares) quando estuda. A consciência da oportunidade, inclusive, fará muita diferença no seu rendimento e qualidade dos estudos.

Espero que o meu relato possa ajudar os concurseiros e concurseiras que seguem diariamente trabalhando em busca dos seus sonhos. Não desistam. Ele está mais perto do que você imagina de se concretizar.”

Angelus Maia - Ex-aluno e atual Coach do Ciclos

Bruna de Carvalho Chaves Peixoto

“Eu acredito que cada um tem a sua hora de passar, que existe uma caminhada de muito estudo e dedicação e, nesse período, a felicidade do concurseiro é sentir que está avançando nesse caminho, é lembrar das provas anteriores e saber que já está distante delas, porque alguns conhecimentos já estão sedimentados e, por isso, a aprovação está chegando. Nesse caminho, também tem muitas preocupações sobre como fazer para dar certo. E o ciclos é o meu melhor motorista nesse caminho, porque os coaches conhecem muito bem a estrada, os atalhos e, quando eu tenho dúvidas, Fernanda sempre diz "calma, senhora, está chegando". O ciclos é especialista em cortar caminho com os atalhos conhecidos como "revisão de véspera", "não faça a prova sem saber", "pontos espinhosos do edital" e os empurrões diários de Fernanda, sempre colocando a gente para frente, rezando junto (sem você saber) e sofrendo junto com a demora do gabarito. Tudo o que está na prova, está nesses atalhos. Por isso, a sensação, antes da prova, é a de certeza que está fazendo tudo certo, seguindo os ciclos e os materiais de véspera. Na prova, o efeito ciclos é a tranquilidade de não ter nenhuma surpresa e, depois da prova, vem a alegria do sucesso, resultado da confiança no método. Eu sou apaixonada pelo método e acabei virando parte da família ciclos. Contratei uma coach e hoje tenho uma amiga muito especial.”

Bruna de Carvalho Chaves Peixoto - aprovada no concurso da DPE/RN - Aluna Ciclos Esquematizado DPE/RN

Vanessa Pinto Maia

"Sou aluna Ciclos de coração e desde que conheci o método de estudo proposto por Fernanda e Daniel não tive a menor dúvida: tinha tudo para dar certo. E não me enganei, está dando MUITO CERTO pra mim. Apesar de ainda estar no caminho, batalhando pela realização dos meus sonhos e objetivos, minha vitória está sendo construída a cada dia com o aperfeiçoamento da minha preparação. Com o Ciclos, pude priorizar a dedicação a todos os pontos necessários a aprovação (legislação, conteúdo doutrinário, muitos exercícios e questões, jurisprudência e as valiosas revisões), reafirmar o comprometimento com o meu projeto de vida, fortalecer a minha disciplina e determinação para cumprir as metas estabelecidas e me sentir mais motivada.  O método é simplesmente transformador, o progresso nos estudos é visível. Não são metas que te aprisionam ou que tornam o estudo mecanizado, sem ânimo.. Muito pelo contrário, o método estimula o aluno a redescobrir o entusiamo em estudar, mostrando aos poucos como a sistemática do curso garante  a segurança de que os assuntos estudados estão sendo sempre revisitados, de forma diferente, ajudando principalmente na memorização e domínio do conteúdo.  

Se pudesse eleger duas importantes lições que aprendi com o Ciclos seriam essas: CONFIANÇA na minha preparação (e nos resultados que virão) e ALEGRIA em poder ter a oportunidade de estudar, aprender, ser incansável, superar os desafios e ser melhor a cada dia.

Deu tão certo que não poderia acontecer outra coisa, o crescimento da família Ciclos, formada por pessoas que realmente amam e acreditam no trabalho que fazem e assim já ajudaram muitas pessoas por aí.. Eu sou uma delas! Obrigada CICLOS! Vocês são 10!!"

Vanessa Pinto Maia - Aluna Ciclos Tradicionais e Esquematizado Pós-Edital MP/RS

Anna Clara Miranda de Azevedo Peixoto

"A proposta dos Ciclos é inovadora não só pela metodologia proposta, mas principalmente por aqueles que integram a sua equipe. Os coaches são, em sua maioria, estudantes como qualquer um de nós; a diferença é que já atingiram o sucesso. Em uma rápida entrevista, logo se percebe que não há fórmula mágica; aliás eu, pessoalmente, nunca acreditei que ela existisse! O elo que une todos esses profissionais é formado por vontade, perseverança, fé, gratidão, humildade, tenacidade e, principalmente, vontade de ajudar àqueles que ainda estão no caminho. Sou grata por ter conhecido a equipe assim que iniciei essa nova fase de minha vida: estudar para concurso público. Não posso garantir que logo alcançarei meus objetivos, mas, certamente, eles chegarão mais rapidamente com toda a atenção e o apoio que venho recebendo! Obrigada, Ciclos! A estrada rumo ao meu sonho, com vocês, é definitivamente mais leve!"

Anna Clara Miranda de Azevedo Peixoto - Aluna Ciclos Tradicionais

Victor Salles

“Olá, galera dos Ciclos!

Com muita honra, venho deixar aqui, em caráter inaugural desse sítio eletrônico, minha experiência com o método!

Comecei a utilizar o plano de estudos por ciclos, efetivamente, durante o ano de 2016. Digo efetivamente pois, apesar de ser amigo de Fernanda e Daniel já há um tempo, meus estudos eram bastante intermitentes. Na verdade, acho que estudei cerca de 4 meses em 2015, embora tenha tido todo o ano a meu dispor.

Apesar da minha indisciplina, a equipe dos Ciclos sempre me recebeu muito bem. A cada volta, Fernanda sempre me dava umas broncas, mas logo em seguida estava pronta para me ajudar, sendo até mais empolgada do que eu no cumprimento das novas metas! Isso pode parecer pequeno quando o objetivo quase que exclusivo do concurseiro é passar em ‘’alguma coisa’’. Contudo, quando você vê a paixão de todo o corpo docente pelo método e a crença que eles depositam em cada um de seus alunos, é impossível não mergulhar de cabeça nos estudos e fazer dar certo!

Ainda quando estudava cerca de 3 meses e parava 1, sentia uma mudança absurda na consolidação do conhecimento. Você passa a lembrar de temas de constitucional em uma questão de tributário, por exemplo, fazendo com que todo o direito ganhe a lógica necessária para que se pense com competência. É com essa didática absurda dos Ciclos que a evolução vem, e rápido.

Hoje, considero o método ideal para estudar com leveza para concursos públicos, principalmente os jurídicos, que cobram um nível de preparação acima do comum. A rotina se torna mais leve – acreditem, o lema ‘’Que seja leve enquanto dure’’ não é falácia – , pois há um desapego por horas efetivamente estudadas, e um carinho maior pela qualidade do conhecimento que é absorvido.”

Victor Salles - Aluno Ciclos Tradicionais

Bruno Figueiredo Cachoeira Dantas

“Engraçado perceber que a virtude do agradecimento deveria ser algo rotineiro, do cotidiano. Infelizmente não. Já no início da minha trajetória como aluno do Ciclos percebi que o verbo “agradecer” está sempre presente nos materiais e no falar. Agradecer pela saúde e pela oportunidade de poder lutar por aquilo que sonhamos. Medo e motivação, ansiedade e concentração, um paradoxo de sentimentos que permeiam a vida daquele que escolheu sonhar com um cargo público. Mesmo nessa salada de emoções, o agradecimento não pode faltar enquanto ingrediente essencial.

O método proposto – sem nenhum traço de imposição – traz consigo a sensibilidade de que o aluno pode evoluir sempre. Muito além de uma técnica de estudos, o Ciclos propõe uma confiança pessoal na preparação para o certame, revelada não só na produção e atualização do seu próprio material, mas unindo a capacidade da repetição (memorização dos textos normativos, entendimentos doutrinários e jurisprudenciais)  com o poder de crítica e raciocínio jurídico. Alunos que não aprendem apenas uma vertente do conhecimento. É preciso ir além.

Apesar de uma relação de natureza contratual como nascente, o desenvolvimento do curso suscita no aluno a noção de que a concretude do sonho passa a não ser um monopólio. Vitória ou não, o mais importante é saber que você fez tudo ao que estava ao seu alcance e que as pessoas que te acompanharam manifestaram de forma explicita o desejo de sonhar com você. Uma mulher muito sábia falou certa vez que o valor das coisas não está na quantidade, mas na essência daquilo que fazemos. Por isso, não só em forma de agradecimento, mas de verdade, revelo meu crescimento enquanto aluno e estudante, convicto de que as pessoas que me acompanham encaram o meu objetivo de forma séria. Obrigado!”

Bruno Figueiredo Cachoeira Dantas – Aluno Ciclos Tradicionais

Luana Saraiva

“O ciclos é o acompanhamento para concursos mais completo que eu já conheci. Aprendi na prática que, no mundo dos concursos, não basta ter dedicação e disciplina, é preciso ter método, revisar e revisar! E é justamente esse o diferencial do ciclos, método,  revisões periódicas e organização! O material disponibilizado é maravilhoso, proporcionando uma análise eficiente das provas e dos editais, tudo muito esquematizado para que a gente estude aquilo que cai na prova e da forma que que cai na prova! E tudo isso já vem distribuído em uma agenda, que diz exatamente o que estudar e como estudar no dia!  E o ciclos ainda fornece materiais de estudos, não só daqueles pontos complicados do edital ou das novidades, mas de praticamente todo o conteúdo dos editais! A qualidade e a amplitude do acompanhamento são indicutívieis: "o que, como e por onde estudar"!! E eu não posso deixar de falar do apoio emocional dos coachs, feito diariamente, bem de pertinho e com muito carinho. Obrigada equipe ciclos, por deixar meu caminho mais leve e mais tranquilo, e por caminhar de mãos dadas comigo na realização do meu SONHO!”

Luana Saraiva - Aprovada no concurso da DPE/RN - Aluna Ciclos Esquematizado Oral DPE/RN e Esquematizado Pós-Edital DPE/BA

Lilian Lisboa

“Eu ia completar 2 anos de estudo e o desânimo foi batendo aliado a insegurança sobre estar estudando da maneira correta, já que nas provas não via o reflexo do meu esforço e disciplina... Então vinha me perguntando: o que tá faltando?

Comecei a pesquisar coaching, métodos, planejamentos, material... foi quando o CICLOS entrou na minha vida! Fiz o contato e foi empatia imediata, resolvi apostar porque era diferente de tudo e uma proposta muito completa.  

Minha intuição estava certa, eu comecei um novo "ciclo" na minha rotina de estudos, realmente me encontrei no método, o Daniel foi muito paciente no nosso encontro, me deixou super segura. Quando a turma iniciou eu fiquei MUITOOOO SATISFEITA com o serviço contratado, preciso dizer que nada se compara a ORGANIZAÇÃO deles, o planejamento é todo personalizado de acordo com os temas que a gente pontua dominar ou não, tudo impecável: o raio X do edital, os pontos espinhosos das matérias, as maneiras de esgotar cada tema, as reiteradas leituras de lei seca, as revisões, que não são maçantes porque são feitas de diferentes formas e já estão na agenda (não é a gente que controla), as dicas no email, materiais complementares do 'sextou', tudo tem um carimbo próprio de quem ama o que faz, e isso é muito perceptível!! 😍

Eu vivia insegura, trocando de material, com CICLOS aprendi a importância da FUC, e tomei a decisão de adotar as apostilas do G8 deles, e me surpreendi com os conteúdos, especialmente de penal e processo penal, que são incríveis! Tenho feito minha FUC com a segurança que elas vão comigo até a posse.

Toda equipe é atenciosa, a Fer tem uma leveza ímpar ao conduzir todo processo!

O caminho é longo e ajustar a direção melhora muito a trafegabilidade, obrigado família CICLOS por me ajudar nessa estrada, me colocando na direção certa, agora cabe a mim caminhar... Eu sempre digo que precisamos encontrar felicidade no percurso, na busca e muitas vezes o peso que sentimos nas costas são nossas asas paradas, então QUE SEJA LEVE ENQUANTO DURE!”

Lilian Lisboa - Esquematizado Pós-Edital MP/RS

Maria Eduarda Patriota

“O método do ciclos simplesmente revolucionou minha maneira de estudar. Com o ciclos a rotina de estudos fica mais dinâmica, leve e atrativa, além do aproveitamento ser muito maior. O material oferecido pela equipe é sensacional, principalmente por ser constantemente atualizado, o que auxilia muito no dia a dia de estudos. A certeza de um material completo, confiável e atualizado é um alívio pra qualquer concurseiro. Além de tudo, na minha opinião, talvez o maior diferencial são as pessoas que fazem parte da Equipe Ciclos, que desde o contato inicial até a fase de acompanhamento se mostraram solícitos, atenciosos, preocupados sinceramente com nosso desempenho, e sempre dispostos a incentivar. O ciclos tem toda a minha confiança e admiração. Juntos chegaremos ao objetivo!”

Maria Eduarda Patriota - Aluna Ciclos Tradicionais e Esquematizado Pós-Edital PGE/MA

Gabrielly Cruz

“Dia 19 de Julho de 2015 era a prova, e em meados de Maio do mesmo ano, eu resolvi ter uma reunião com o famoso casal DPU. Na época eles estavam começando a repassar para as pessoas o "segredo" de passar em concurso público: Um método de disciplina, repetições e de resultados concretos. Tive o privilégio de ter tido a reunião com Fernanda Evline e Daniel Arraes, eles me incentivaram e me estimularam de uma forma inexplicável.  Com disciplina, e principalmente colocando em prática o método CICLOS, em menos de 3 meses, eu consegui almejar o meu sonho antes dos 30: passar em um concurso público DENTRO DO número de vagas. Pra mim aquele resultado era inacreditavel, eram quase 35 mil inscritos para 61 vagas de técnico para o Ministério Público da Paraíba, e eu consegui! Na verdade, nós conseguimos! MUITO OBRIGADA Fernanda e Daniel por terem me impulsionado nessa jornada e fazer com que eu acreditasse cada vez mais no meu potencial. Hoje, ainda como aluna CICLOS, e com a influência positiva desse casal do bem, quero entrar na DPU!”

Gabrielly Cruz - Aluna Ciclos Tradicionais - Analistas e Técnicos e Esquematizado Pré-Edital DPU

Carolina Gurgel

“Ouvi falar de coaching para concursos a primeira vez quando ainda estava na faculdade. Desde então, passei muito tempo pesquisando sobre as várias empresas que oferecem esse serviço. Todavia, não conseguia encontrar segurança em nenhuma delas e tratava-se de um investimento relativamente alto, então acabei decidindo começar a estudar sozinha para um concurso de técnico do MP/PB. Nesse tempo já havia me formado e estudei desesperadamente desde que saiu o edital até a prova, entre 9 a 11 horas diárias. No dia da prova, para minha surpresa e decepção eu simplesmente não lembrava de quase nada, pois estudei muito, mas sem método eficiente e sem um bom sistema de revisões. Depois desse dia, achei que nunca mais teria coragem de estudar para concursos. Pensei: "é coisa pra gênios" "não é pra mim". Entretanto, Deus foi tão bom comigo que colocou a família ciclos no meu caminho exatamente no momento em que eu mais precisava. Depois de algumas amigas falarem sobre eles, resolvi procurar. Assim, em setembro de 2015 comecei a seguir os ciclos tradicionais e, na verdade, eu nem consigo explicar a evolução que eu tive durante esse tempo. Nunca imaginei que conseguiria progredir tão rápido. Além disso, o que mais me deixou apaixonada pelo ciclos foi o fato de ter me feito se apaixonar pelos estudos, tornando essa fase, que pra muitos é tão árdua e pesada, mais leve e alegre. Faz muita diferença estudar de um jeito que te faz sentir que está valendo a pena, que você está conseguindo aprender de verdade. Ainda não cheguei aonde quero chegar, mas o ciclos me mostrou que eu chegarei lá, afinal ‘quem tem método, tem tudo’.”

Carolina Gurgel - Aluna Ciclos Tradicionais e Esquematizado Pré-Edital PGE/PGM

Juliane Andrade

“Conheci o CICLOS quando estudar pra concurso começou a perder o sentido , vim de um reprovação na minha primeira segunda fase e tinha convicção que tinha chegado no meu limite: se depois de estudar tanto como nunca antes nessa vida eu não tinha conseguido , não tinha mais jeito " isso de concurso não é pra mim". Me inscrevi quase forçada na DPE MT mas sem muitas expectativas. Foi então que como última tentativa eu fui ver  como     era" esse tal de CICLOS" . Foi ai que eu vi o quanto eu tava tava fazendo tudo errado. e descobri um prazer  indescritível em chegar ao fim do dia com o CICLOS cumprido a sensação única e até então inédita na minha vida de dormir tranquila por ter a certeza que eu estava fazendo meu melhor e principalmente por chegar o dia da prova e ter a tranquilidade e segurança de que depois de toda aquela jornada eu tinha chances sim e muito grandes de chegar la e estou chegando!! Sempre digo que o CICLOS acabou com até minha insônia, que era reflexo de uma pessoa insegura e que sempre terminava o  dia de estudos com a sensação de que poderia ter feito mais mas não fez. Não sei mais o que é esse sentimento pois apesar da luta e dos sacrifícios diários, agora eles fazem todo sentido pois meu caminho é leve como tem que ser !”

Juliane Andrade - AlunaTurma Especial DPE/MT e Esquematizado Pós-Edital DPE/BA

Simone Maia

“Conheci o Ciclos através da indicação de uma prima mais nova, estava sem conseguir estudar direito há algum tempo, me dedicando apenas ao trabalho e o concurso dos meus sonhos estava finalmente para sair.

Eu não sabia por onde começar, como voltar a estudar, estudava um capítulo de uma matéria em uma semana, na semana seguinte não estudava nada, não sabia se estudava por livros, se comprava apostilas ou assistia aulas, enfim estava completamente perdida.

Seguindo a indicação, eu e uma amiga que estudava comigo desde a época da OAB agendamos o atendimento com o Ciclos e demos início ao ciclos de base.

Para nossa surpresa, o edital do concurso que a gente queria (DPE RN) saiu com um pouco mais de um mês que estávamos estudando o ciclos de base, ficamos um pouco desesperadas, pois tínhamos acabado de retomar os estudos, mas nos jogamos, agendamos o Ciclos esquematizado para o concurso da DPE RN e nos dedicamos ao nosso objetivo, seguindo exclusivamente o material adotado/indicado pelo coach.

Apesar de relativamente estarmos estudando há pouco tempo, conseguimos a almejada aprovação na primeira fase do concurso. Seguimos fazendo o ciclos para a segunda fase e para fase oral, o resultado: fomos aprovadas juntas no concurso que tanto queríamos, que esperávamos sair desde que nos formamos, era inacreditável.

O que posso dizer é que o ciclos foi fundamental para a minha aprovação, nunca fui muito organizada para estudar, não conseguia elaborar material, escolher um só material para adotar, não tinha método, nem cronograma. O Ciclos modificou radicalmente a minha forma de estudar e o desfecho foi impressionante. Normalmente costumava acertar cerca de 60 questões na primeira fase, mas na primeira fase do concurso da DPE RN acertei 84 questões. "Oi?!" Eu não conseguia acreditar! Kkkk

Eita, e agora? Segunda fase, o que fazer? "Sou péssima em segunda fase", dizia. Minha coach, Fernanda, com toda paciência do mundo, me ajudava diariamente a superar o trauma que eu tinha da segunda fase e acreditar que eu tinha conteúdo, que eu conseguiria passar. Além do método, muito bem formulado, focado no que o aluno precisa desenvolver em cada fase, essa injeção de ânimo, de confiança, foi fundamental.

Concluída mais uma etapa, segui para a terceira fase, o ciclos para a fase oral. E eu que já estava fã do método ainda me surpreendi com a organização do curso voltado para a prova oral: perguntas atuais, seguindo o padrão da banca, professores capacitados que, com jeito, conseguiram me ensinar a falar (sou super tímida) e desenvolver as respostas. Me lembro demais da véspera da minha prova oral, eu sempre acho que vou ter uma intuição do que vai cair na prova, então eu ficava dando uma última olhada nas matérias que, segundo minha intuição, iriam cair e me comunicando com Fernanda que fazia a mesma coisa, parecia até que ela ia fazer prova no dia seguinte! Rsrs.

Por tudo isso não tenho palavras para agradecer ao Ciclos. De fato, eu e a minha amiga retomamos os estudos em agosto de 2015 e em abril de 2016 fomos aprovadas no concurso que a gente queria desde o dia que nos formamos. Parece até propaganda Polishop, mas não é. Rsrs.

Obrigada ciclosR3 por me ensinar o caminho, fornecer o material e possibilitar a realização de um sonho.

Na época o ciclos ainda não tinha o lema "Que seja leve enquanto dure", contudo, olhando para trás, vejo que o meu percurso foi exatamente assim, leve, apesar da pressão do concurso. Isso porque o método é tão bom, dinâmico, que estudar não se torna chato, eu ia cumprindo os ciclos e assimilando o conteúdo sem perceber. Hoje até tenho saudades da rotina de estudos.

Sem duvidas, se não tivesse passado no concurso que eu sempre quis, continuaria com o Ciclos e seguindo o método que, para mim, foi essencial.”

Simone Maia - aprovada na DPE/RN - Aluna Ciclos Tradicionais e Esquematizado Pós-Edital DPE/RN

Maria Beatriz Castim

“O método passado pelo pessoal do CICLOS veio para me dar o norte que eu sempre busquei desde que decidi "trocar" a advocacia pelos estudos para concurso público... Aliás, que fique claro aqui que eu não estou falando apenas de um método, excelente por sinal, e sim de humanismo, paciência, atenção, dedicação, dicas e orientações imprescindíveis, incentivo, amor...

Mas, voltando ao método, estudando por ciclos aprendi a organizar meus estudos, otimizar meu tempo, dar prioridade ao que merece prioridade!!

É desafiador e instigante, diariamente, superar-me batendo metas, fazendo todos os CICLOS dos dia... Ahhh! Isso não tem preço! Eu só tenho a agradecer, a admirar, a indicar para todos que estão nesse caminho tudo aquilo que passou a fazer parte do meu dia a dia de estudos, sem essa equipe eu ainda estaria nadando sem saber para onde! Uma coisa é certa: estarei com eles até a aprovação!!

Por fim, só tenho a agradecer pelo carinho, dedicação, doação, atenção, respeito com que cada material, agenda e ciclos são feitos! Pela paciência, didática e humildade com que cada dúvida me foi tirada, da mais simples a mais complexa, independente do dia e da hora... Sou muito grata por isso e por ter me encontrado nos estudos!”

Maria Beatriz Castim - Aluna Ciclos Tradicionais e Esquematizado Pós-Edital PGE/MA